Comic Book Men, quadrinhos na televisão!

Desde 2012 o canal AMC exibe nos EUA provavelmente o melhor programa de televisão (para nós) que poderiam ter pensado e olha que não é nada original.

Comic Book Men reality show loja de quadrinho

Comic Book Men reality show de loja de quadrinho

Comic Book Men foi idealizado pelo Kevin Smith, que achou ser uma boa ideia mostrar a rotina de uma loja de quadrinhos ao melhor estilo Trato Feito (esse quem tem History Channel conhece bem) e, para isso, ele chamou seu amigos de longa data (e também funcionários) que cuidam da sua loja de quadrinhos em New Jersey, a Jay and Silent Bob’s Secret Stash. Sim, o Kevin Smith tem uma loja de quadrinhos e sim, é tão original que leva o nome dos personagens dele.

O programa é gravado diariamente na loja e, ao longo do ano, Kevin visita a cidade e grava durante 4 ou 5 dias seguidos todas as tomadas em que ele aparece dentro do estúdio do podcast deles. Então, para manter a magia da televisão, os caras conversam como se Kevin fosse lá todos os dias perguntar “Ei, o que aconteceu de interessante na loja hoje?” mas na verdade tudo isso aconteceu meses atrás e a galera finge que foi ontem. Tudo pela televisão, certo?

Os episódios começaram com duração de 40 minutos mas isso durou só a primeira temporada. Da segunda em diante eles ficaram com 20 minutos de duração porém com uma grade de exibição mais “folgada”, podendo ter alguns episódios a mais do que o planejado pra compensar.

A “serie” em si é divida em 3 cenários distintos: o primeiro é o começo e o fim dos programas, que sempre acontece dentro do estúdio deles durante a gravação do podcast deles. É a turma em volta da mesa de som discutindo coisas variadas sobre o que aconteceu na loja ou algo especifico sobre algum quadrinho em questão (ou não). Algumas dessas gravações, além de irem ao ar no programa, vão ao ar no feed do podcast do programa deles (tem no iTunes).

O segundo cenário são os takes dentro da loja em si e costumam ocupar a maior parte do programa. Lá acontece de tudo, desde pessoas normais entrando e pedindo por quadrinhos “normais” até pessoas que buscam presentes pra namorados(as), pessoas que começaram a ler agora e querem os clássicos e por aí vai. Tudo serve de gatilho pros caras conversarem sobre algo, explicar algo do quadrinho ou do autor ou da história. Enfim.

Como é o Comic Book Men

Além disso acontecem as partes de compras e vendas de itens de colecionador, que costumam ser as partes mais interessantes do programa. Volta e meia aparecem pessoas vendendo revistas antigas, raridades, memorabilia e por ai vai. Nessas horas aparecem os avaliadores de itens de cultura pop e o programa fica absurdamente parecido com Trato Feito, só que nerd.

Muita coisa clássica e rara já apareceu no programa. Entre elas as primeiras edições de diversos personagens da Marvel e da DC, réplicas (e originais) dos veículos do programa do Batman do Adam West (assinado pelo mesmo e o resto da equipe), originais de artistas famosos e, um dos programas mais curiosos que eu vi até agora, a visita de Nichelle Nichols – a Tenente Uhura, de Star Trek – querendo comprar um action figure dela mesma! Ou o dia que o Kevin Smith pediu pro Hulk – Lou Ferrigno – ir até a loja ajudar um dos amigos a emagrecer.

Onde Assistir Comic Book Men

Após varias horas de pesquisas descobrimos trêsComic Book Men métodos para poder acompanhar o realy show Comic Book Men aqui no Brasil

1 – O sistema que conhecemos e adoramos é similar a netflix só que para canais ao vivo, O nome é IPTV Pago nele se acessado por um notebook pode até gravar os episódios. O Preço é muito bom a media que pesquisamos é de 20,00 mensal

2 – Realizar assinatura com uma operadora de tv via satelite por exemplo a claro, o serviço que ela oferece o canal que passam por aqui a AMC Brasil, o grande problema que precisa comprar um pacote anual e comprar varios canais junto, ou seja o valor fica muito alto mensal

3 – O terceiro é melhor jeito de assistir o Comic Book Men por que é o mais barato entre os citados tv aberta

E o terceiro cenário, que não acontece muito, é quando o pessoal da loja sai de lá para fazer alguma coisa na rua, seja procurar algo em especifico, ir em convenções, mercados de pulga ou até mesmo ajudar algum cliente antigo da loja (o que acontece bastante).

Conclusão

Enfim, é um programa curto, divertido e com bastante informação que – de fato – é interessante e útil pra nós, que gostamos (mais do que deveríamos) de quadrinhos. No Brasil o programa foi adquirido pelo grupo Fox e é exibido no NatGeo, sob o EXCELENTE nome de Maníacos por Comics. Com certeza quem traduziu foi alguém que nomeia filmes no SBT, tenho certeza.